O “velhinho” Elevador da Glória

O Ascensor da Glória – embora, na realidade, seja conhecido como Elevador da Glória – comemora 129 anos de existência. Inaugurado com grande pompa em 24 de Outubro de 1885, o “elevador” afirmava a modernidade de Lisboa e o seu pioneirismo no sistema de transporte urbano.

Foi projetado pelo engenheiro portuense, de origem francesa, Raoul Mesnier du Ponsard (1848-1914), para estabelecer a ligação entre a Avenida da Liberdade e a Rua de S. Pedro de Alcântara, junto a um dos miradouros mais procurados da cidade. O ascensor era movido por um mecanismo de tração de cremalheira e cabo por contrapeso de água, passando depois a utilizar o vapor até 1915, altura em que foi implantado o sistema elétrico. Integrava inicialmente dois carros de dois pisos, o inferior, com bancos corridos encostados à janela e virados para o interior do veículo e, o superior, ao qual se acedia por uma escada de caracol, com os bancos de frente para a rua.

Atualmente, os carros têm piso único e são compostos por um salão de passageiros com dois bancos corridos ao longo das janelas e virados para o interior do veículo, tendo, em cada uma das extremidades, duas coxias de comando. O acentuado desnível é compensado por uma plataforma oblíqua, sob a carroçaria. Na década de 1920, assumiu a definitiva e caraterística cor amarela  (o “amarelo da Carris”), a que se têm vindo a associar espontâneos grafitis.

É o ascensor com mais movimento da cidade e uma das suas principais atrações turísticas, tendo sido classificado, em 2002, como Monumento Nacional.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s