Exposição e divulgação do património de Avis

Depois de obras com um investimento superior a 1,2 milhões de euros, o Centro Interpretativo da Ordem de Avis (CIOA) e o Museu do Campo Alentejano (MUSCA), instalados no Convento de São Bento de Avis, vão abrir ao público no próximo fim-de-semana.

Os dois espaços museológicos, com metodologias e propósitos complementares para o estudo do património histórico e artístico relativo à Ordem de Avis e ao Convento de São Bento, são componentes fundamentais de um projeto de âmbito mais vasto que visa a regeneração urbana do centro histórico da vila.

O CIOA integra um espaço para exposições de longa duração e um arquivo histórico, com biblioteca e  laboratório de tratamento documental, uma sala multiusos e uma sala de leitura,  e  pretende estabelecer parcerias com outras entidades e, nomeadamente, com instituições de ensino superior para o desenvolvimento de projetos de investigação.

O MUSCA apresenta o espólio etnográfico do Museu Municipal de Avis, abrindo com uma exposição sobre as questões do património, como memória e herança, através das atividades agrícolas e pastoris locais, com destaque para o montado de sobro e azinho.

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s